quinta-feira, 26 de maio de 2016

A MULHER SAMARITANA


A palavra LIBERTAÇÃO vem do grego “sotero“ e significa “livramento, salvação”. Ser liberto é por fim a cadeias que aprisionam nossa vidas, tanto no corpo como na mente.

A Bíblia conta a historia de uma mulher que passou por uma transformação completa em sua vida. Ela estava sendo presa há alguns anos por pecados, porém não tomava consciência de sua condição, e quando encontrou com Jesus foi liberta: A “Mulher Samaritana”.

E estava ali a fonte de Jacó. Jesus, pois, cansado do caminho, assentou-se assim junto da fonte. Era isto quase à hora sexta. Veio uma mulher de Samaria tirar água. Disse-lhe Jesus: Dá-me de beber. Porque os seus discípulos tinham ido à cidade comprar comida. Disse-lhe, pois, a mulher samaritana: Como, sendo tu judeu, me pedes de beber a mim, que sou mulher samaritana? (porque os judeus não se comunicam com os samaritanos). Jesus respondeu, e disse-lhe: Se tu conheceras o dom de Deus, e quem é o que te diz: Dá-me de beber, tu lhe pedirias, e ele te daria água viva. Disse-lhe a mulher: Senhor, tu não tens com que a tirar, e o poço é fundo; onde, pois, tens a água viva? És tu maior do que o nosso pai Jacó, que nos deu o poço, bebendo ele próprio dele, e os seus filhos, e o seu gado? Jesus respondeu, e disse-lhe: Qualquer que beber desta água tornará a ter sede; Mas aquele que beber da água que eu lhe der nunca terá sede, porque a água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água que salte para a vida eterna. Disse-lhe a mulher: SENHOR, dá-me dessa água, para que não mais tenha sede, e não venha aqui tirá-la. Disse-lhe Jesus: Vai, chama o teu marido, e vem cá. A mulher respondeu, e disse: Não tenho marido. Disse-lhe Jesus: Disseste bem: Não tenho marido; Porque tiveste cinco maridos, e o que agora tens não é teu marido; isto disseste com verdade. Disse-lhe a mulher: Senhor, vejo que és profeta.” João 4:7-19

A mulher samaritana nos mostra o quanto precisamos de libertação. Ela estava em uma condição de miséria espiritual, sua vida era uma representação do fracasso. Fazia parte de um povo que era repudiado pelos judeus, os samaritanos, pelo fato de ter se misturado no período de cativeiro babilônico. Era mulher, e suas próprias crenças e tradições não eram capazes de tirá-la dessa situação. Tinha um histórico familiar de decepções. Vivia lutando para dar certo, entretanto, por mais que tentasse não conseguia vencer em sua vida pessoal e familiar. Havendo perdido sua família por 4 vezes, e na ultima tentativa, como não tinha conseguido êxito nas primeiras, para piorar sua situação decide destruir a família de outro, tornando-se amante. Imagine alguém que decide desistir de tentar dar certo, talvez ela tenha pensado: “Chega de tentar restaurar minha família, eu mereço ser amante e não noiva”.

Como ela não conseguiu segurar seu casamento passou a destruir o casamento de outra. Alguns de nós estamos desta forma, cansados de tentar dar certo, pelo fato de que todas as vezes que tentamos, vemos tudo dar errado. Assim era a vida dessa mulher. Observe seu currículo, que só serviu para mostrar o quanto as suas ações estavam resultando em fracasso.

• Tinha, talvez, entrado na escola de restauração de casamento nível 4 e falhado;
Estratégias para vencer com o auxilio da religião;
42 passos para segurar o marido;
Como ser uma amante perfeita;
Como ser repudiada por mulheres casadas 2.

Mas um Dia!!!!!!!! Um dia essa mulher descobriu que, não só que precisava de libertação mas que também precisava conhecer o libertador. Todo seu currículo ou experiência não havia ajudado a reconstruir sua vida. Muitas vezes achamos que as estratégias ou uma vida religiosa é o caminho para libertação, mais ao contrário, é a chave para prisões.

Quando Jesus a encontrou, dentro dela foram quebrados os padrões que a estavam matando. Ele a mostrou que precisava de algo que ela nunca tinha tentado: Deixar Jesus salvar ou libertar sua vida. Quando tentamos nos liberta sozinhos, só encontramos mais sofrimento. Jesus mostrou a mulher samaritana que sua vida estava seca, e que precisava beber uma água que lavaria seu interior e a encheria de paz.

E você? Tem se cansado de tirar água todos os dias? Está sempre precisando de mais, tem lutado para vencer, mas sempre tem perdido? Deixa Jesus te ajudar. Quando Jesus conversou com aquela mulher, mostrou que, apesar dela conhecer a respeito de Deus não tinha intimidade com ele. Nós podemos estar agindo da mesma forma, saber tudo sobre Deus mais nunca ter intimidade com Ele. Jesus dedicou um tempo a ela, e a cada palavra a fazia olhar para dentro de si e ver que sua vida precisava de uma transformação.

É lógico que não é fácil ser liberto, pois na verdade a nossa natureza carnal gosta de prisões. Você já reparou que uma mulher solteira na igreja é recriminada? Uma divorciada, viúva, ou ex-amante é pior ainda, quase se torna um demônio! As pessoas têm medo que ela destrua seus lares e nem querem levá-la a uma célula, bate-papo, culto no lar, etc e muito mesmo a terem como discípula. Jesus age na contramão de um sistema mundano. Vai de encontro a uma mulher que aparentemente não tinha valor algum, e gera nela uma fonte de águas limpas.

Após o encontro com o libertador Jesus, a mesma, que era repudiada, agora se torna a mensageira do Reino e ganha uma cidade inteira. Jesus a libertou na alma e na mente, ensinando a essa simples mulher algo que marcaria sua vida e também as nossas para sempre, o caminho para a Libertação: Adorar em Espírito e em verdade. Batalha espiritual não é olhar para o inimigo, mas para o trono, por que é de lá que vem o socorro. Quando Deus entra em uma batalha, ela não é mais apenas uma batalha, é massacre, porque Deus massacra nossos inimigos.

Depois do encontro com Jesus, sua vida familiar estava aberta para o sucesso, ninguém mais diria: Lá vai uma adúltera, mas sim: Lá esta uma filha de Deus restaurada. Nesses dias, Deus quer fazer o mesmo conosco, nos libertar. Estamos em um mover que destrói gafanhotos e trevas. Assim como Deus não permitiu que as trevas nem os gafanhotos destruíssem seu povo, essa unção virá sobre a nossa vida e o gafanhoto não nos alcançará, tão pouco as trevas, pelo contrário, tudo que ainda não é luz será destruído.

Venha beber desta água que vem do trono de Deus. Venha ser um adorador que traz o trono para perto de você. Venha ser um mensageiro do Reino.

Então Receba!!!!!!!!!!!!!!!!!
André Santana (Ministério Filhos Benditos)

segunda-feira, 23 de maio de 2016

QUANDO A TRIBULAÇÃO VAI ALÉM DAS SUAS FORÇAS

Quando sua força acaba… Começa a força de Deus! “Porque, assim como o sofrimentos de Cristo se manifestam em grande medida a nosso favor, assim também a nossa consolação transborda por meio de Cristo.” (2 Corintios 1:5)

Logo no começo do livro de 2 Coríntios 1.3:11, Paulo relata ao povo de Corinto as suas experiências na fé, momentos de grande tribulação a ponto de ele chegar a dizer o seguinte: … porquanto foi acima das nossas forças, a ponto de desesperarmos até da própria vida.” 2 Corintios 1:8
Veja que tamanha aflição Paulo enfrentou. A maior tribulação não é a exterior, mas sim a que enfrentamos dentro de nós. Paulo era homem de Deus, considerado por muitos o principal dos apóstolos, mas mesmo ele sendo esse grande exemplo e referência na fé, ele próprio disse que a luta a qual enfrentava estava acima, além de suas forças, a ponto de quase se desesperar, ou seja, desistir, parar, retroceder.
Mas o que fazer quando chegamos a este ponto? - Quando nossas forças chegam ao fim, então começa a força de Deus! Esta é a função do Espírito Santo, dar a condição e a capacidade para enfrentarmos e superarmos o que com apenas as nossas forças não conseguiríamos vencer jamais. Se você chegou a este ponto assim como Paulo, então está na hora de Deus lutar por você! Não se preocupe, você tem seus limites, mas seu Deus é ilimitado.
Outro ponto fundamental que deve-se observar neste texto é o seguinte: “Contudo, já em nós mesmos, tivemos a sentença de morte, para que não confiemos em nós, e sim no Deus que ressuscita os mortos; o qual nos livrou e te livrará de tão grande morte.”   2 Corintios 1.9:10
Apesar de tudo o que aconteceu, ele tinha certeza que tudo aquilo era para que ele aprendesse a confiar em Deus e não em si mesmo, ser dependente dEle.
“Lembrai-vos dos vossos guias, os quais vos pregaram a palavra de Deus; e, considerando atentamente o fim da sua vida, imitai a fé que tiveram.” – Hebreus 13:7.

sexta-feira, 20 de maio de 2016

A CURA DA ALMA


"Como a corça anseia por águas correntes, a minha alma anseia por ti, ó Deus. A minha alma tem sede de Deus, do Deus vivo. Quando poderei entrar para apresentar-me a Deus? Minhas lágrimas têm sido o meu alimento de dia e de noite, pois me perguntam o tempo todo: "Onde está o seu Deus? " Quando me lembro destas coisas choro angustiado. Pois eu costumava ir com a multidão, conduzindo a procissão à casa de Deus, com cantos de alegria e de ação de graças entre a multidão que festejava. Por que você está assim tão triste, ó minha alma? Por que está assim tão perturbada dentro de mim? Ponha a sua esperança em Deus! Pois ainda o louvarei; ele é o meu Salvador e o meu Deus. A minha alma está profundamente triste; por isso de ti me lembro desde a terra do Jordão, das alturas do Hermom, desde o monte Mizar. Abismo chama abismo ao rugir das tuas cachoeiras; todas as tuas ondas e vagalhões se abateram sobre mim. Conceda-me o Senhor o seu fiel amor de dia; de noite esteja comigo a sua canção. É a minha oração ao Deus que me dá vida. Direi a Deus, minha Rocha: "Por que te esqueceste de mim? Por que devo sair vagueando e pranteando, oprimido pelo inimigo? " Até os meus ossos sofrem agonia mortal quando os meus adversários zombam de mim, perguntando-me o tempo todo: "Onde está o seu Deus? " Por que você está assim tão triste, ó minha alma? Por que está assim tão perturbada dentro de mim? Ponha a sua esperança em Deus! Pois ainda o louvarei; ele é o meu Salvador e o meu Deus (Salmos 42:1-11)".


Visão Ampla - Esse é o 2º domingo em que estamos fazendo o check-up Espiritual. Onde falaremos a respeito da cura da alma. Aprendemos no domingo passado que precisamos ter uma visão ampla, uma visão além da compreensão humana, que vai além. Quando o cego foi curado por Jesus, e o mestre perguntou a ele o que estava enxergando, e o mesmo disse que sua visão estava turva, ainda não estava 100%. E Jesus disse para ele lavar as vistas para que ele pudesse enxergar de forma limpa e transparente. O que eu quero dizer é que precisamos abrir os nossos olhos através da Palavra de Deus.

Em 1 Coríntios 10:12 a Palavra diz: “Aquele, pois, que cuida estar em pé, olhe não caia”. Precisamos tomar cuidado como estamos andando na nossa vida com Deus. É necessário termos um zelo por nossa Caminhada com Jesus. Satanás está ao seu derredor para faze-lo cair. O diabo quer que a sua alma fique doente a vida toda. Mas o Leão da Tribo de Judá está aqui, Ele quer o seu melhor, Ele quer proteger você, seu braço continua estendido sobre mim e sobre você. A questão é que muitas vezes nós saímos debaixo da cobertura de Deus e aí a queda é inevitável. Nossa alma passa a ficar doente.

Você conhece alguém doente da alma? Veja os Sintomas de uma alma doente:

SEM FIRMEZA: Tudo que essa pessoa começa ela não termina. Começa bem, mas no meio do caminho desanima e desiste.

NÃO TRANSMITE PALAVRA DE ALEGRIA: Tem os olhos negativo. Está sempre se lamentando; só murmura; nada está bom pra ela; não enxerga a vida com esperança; tem tudo e não tem nada; Se você fala de fazer algo, essa pessoa já vem e diz que não vai dar certo; Critica todo mundo, mas não aceita criticas. Vive de telespectador, mas não sai da arquibancada pra nada; Adora olhar, criticar, opinar de forma negativa, mas não faz nada para melhor. É sempre pessimista.

As pessoas estão doente da alma e não sabem. Quando sua alma está enferma o ambiente fica carregado, pesado. A doença da alma contamina. Se você fica muito tempo ao lado de pessoas que estão doente da alma, você acaba infectado.

COMO ESTÁ SUA ALMA? Pessoas doente da alma, tem uma fácil tendência em ver o que os outros não vê, porém de forma negativa. O negócio do amigo está prosperando, mas o(a) doente da alma, diz logo que o amigo vai quebrar (exemplo fictício). E assim é em tudo o que os seus olhos veem.

Pessoas doente da alma, estão sempre doentes, hipocondríacas. Não vão ao médico, se automedicam e sabem que remédio todos precisam tomar. Mas não aconselham ninguém a fazer um check-up. São professores de medicamentos.

Pessoas doente da alma, não tem vergonha e são ótimas para pedir conselhos. Mas nunca os colocam em prática.

Pessoas doentes da alma, são inseguras. Vivem a Síndrome de Naamã, por fora estão fisicamente bem, são saudáveis, mas por dentro estão doentes.

Se nós trocássemos o nome da Igreja ali fora, de BETEL para PRONTO SOCORRO PARA ALMAS DOENTES, multidões viriam pra cá de todo o mundo. O que mais temos dentro e fora da igreja são pessoas doentes da alma. Angustiadas, aflitas, desesperadas, solitárias, depressivas, frustradas, decepcionadas, a doença da alma é a que mais mata hoje em dia, e as pessoas não enxergam.

EXISTE CURA PARA DOENÇA DA ALMA? Existe sim. O Dr. Jesus Cristo está aqui, Ele é o único que consegue penetrar ao ponto de dividir e curar a tua alma, Ele é o único que consegue chegar entre as juntas e medulas e curar a tua alma, Ele é o único que consegue entrar e mudar a sua forma de pensar e as intenções do seu coração e curar a tua alma. Jesus é o médico dos médicos. E Ele nesta noite diz “EU VOU CURAR A TUA ALMA”. Deus nos trouxe aqui para fazer essa cura em nossas almas.

É ele que perdoa todos os seus pecados e cura todas as suas doenças (Salmos 103:3)”. Ele cura todas as sua doenças, todas. “Sara os quebrantados de coração, e lhes ata as suas feridas (Salmos 147:3)”. Ele sara todos os quebrantados de coração. Ele olha lá de cima e contempla o quebrantado de coração.

QUAL É O DIAGNÓSTICO DE DEUS PRO TEU CORAÇÃO? Quanto tempo você não chora na presença de Deus? Existem dois grupos de doentes da alma:

1º OS QUE ADMITEM - Esses fazem de tudo para alcançar a destra de Deus. Buscam estar sempre na presença do Senhor. Clamam por proteção e por paz. Buscam ajuda de Deus.

2º OS QUE NÃO ADMITEM - Que vivem a Síndrome de Naamã. Que querem se mostrar fortes por fora e estão completamente doente por dentro. “POR FORA BELA VIOLA, POR DENTRO PÃO BOLORENTO” (Provérbio Português). Os que não admitem, são telespectadores, que acreditam estar bem, quando no fundo estão enfermos, doentes da alma.

Não existe vacina e nem comprimido para cura da alma, Só o Dr. Jesus Cristo. Acreditamos que essa palavra vai curar a tua alma. Creia, tome posse em nome de Jesus.

Ajude a salvar o planeta, faça um Check-up Espiritual. 
Sinta o toque das mãos de Jesus. 
Ele quer curar a tua alma.

Deus abençoe.
Pr. Otton de Paula
FONTE: Palavra Ministrada dia 26/08/12 na Igreja Betel.
Sermão sintetizado by PB. Marcelo Raineri.

segunda-feira, 16 de maio de 2016

BUSCANDO A QUALIFICAÇÃO DIVINA

"Agora, ouça-me! Eu lhe darei um conselho  e que Deus esteja com você! Seja você o representante do povo diante de Deus e leve a Deus as suas questões". (Êxodo 18:19)

O músico precisa ter consciência de que a Palavra de Deus é o instrumento divino que o torna apto para o ministério. O Senhor não usa qualquer obreiro, mas sim aquele que é temente e qualificado no conhecimento das Escrituras Sagradas, sendo por Ele aprovado. 

Sendo assim a Palavra de Deus é tudo na vida de um ministro. Ele deve maneja-la bem e ainda ler, conhecer, meditar, decorar, cantar, respirar, viver e amar a esta Palavra. Sem um amor ardente e profundo pela Palavra, de maneira alguma podemos ser ministros aprovados diante de Deus. O ministério de música é o ministério da Palavra cantada, é a profecia em forma de musica, conforme diz o salmista: "Todos os reis da terra te renderão graças, Senhor, pois saberão das tuas promessas (Salmos 138:4)

Pr. Adhemar de Campos
FONTE: Biblia de Estudo NVI Louvor e Adoração

sexta-feira, 13 de maio de 2016

A ADORAÇÃO E O CONHECIMENTO DA PALAVRA

O conhecimento bíblico é absolutamente indispensável para a adoração. Em primeiro lugar,  mesmo compreendendo o que a adoração significa, é preciso que ela esteja baseada no conhecimento bíblico.  Os termos bíblicos usados para “adoração” são os mais antigos e, sendo assim, para entender o que significa adorar devemos começar com o estudo dos termos em seu contexto bíblico. Essas passagens não são meros textos isolados, mas fazem parte de um contexto histórico no qual vários hábitos e costumes ali descritos se desenvolveram. Por exemplo, a razão pela qual o livro de Hebreus (no capítulo 13) define a adoração como sendo o ato de repartir o fardo com as outras pessoas está relacionada com a visão que os judeus tinham de Jesus como sendo o complemento do sistema sacrificial do Antigo Testamento. Assim, para o autor de Hebreus existe a necessidade de redefinir a adoração sacrificial por causa dessa mudança.

Em segundo lugar, a adoração é a base da submissão a Deus. Sem um conhecimento bíblico adequado, como conheceremos esse Deus e como saberemos que tipo de submissão o agrada? Nós devemos afirmar que esse conhecimento virá através da pregação ou do nosso conhecimento teológico generalizado, mas é um tanto quanto problemático afirmar isso. O conhecimento teológico depende das Escrituras. Devemos ser capazes de avaliar as diversas vozes teológicas no universo cristão. Por causa dessa dependência da Bíblia, essa avaliação vai requerer uma compreensão completa do texto bíblico.

Além disso, nem todos os líderes de louvor têm uma boa base bíblica. Talvez alguns sejam como eu — uma pessoa que cresceu com a Bíblia sendo lida diariamente em meu lar. Outros não tiveram essa oportunidade e não terão profundidade bíblica suficiente para desempenhar seu trabalho sem que gastem tempo com estudo intensivo e continuado da Bíblia. E isso não acontece ouvindo sermões. Uma pessoa pode ouvir no máximo dois sermões por semana, e esses sermões precisam ser avaliados, pois nem sempre as mensagens entregues nas igrejas são equilibradas — talvez por causa da necessidade de focar em situações específicas de uma determinada congregação. A única maneira de estar certo de que estamos adorando o verdadeiro Deus de um modo que ele se agrade é estudando o texto das Escrituras de maneira pessoal.

Em terceiro lugar, a adoração contém em si mesma a Palavra, e se não temos uma compreensão perfeita das Escrituras provavelmente não entenderemos os assuntos e os símbolos dos textos sobre adoração que estamos usando. Isso pode nos levar a fazer comparações estranhas, interpretações incorretas ou até mesmo ignorar assuntos relevantes. Junte-se a isso o fato de que muitos líderes de louvor também são compositores. Como alguém pode escrever canções sem que esteja imerso nas Escrituras, a ponto da verdade bíblica estar refletida em suas letras? Além disso, depois de ser escrita, a música precisa passar por uma crítica bíblica e teológica. Uma amável figura poética pode estar sendo usada de uma maneira equivocada, ou até mesmo pode conter uma heresia. Mesmo que o autor peça para que alguém faça essa crítica para ele, o primeiro avaliador deveria ser o próprio compositor.
Em quarto lugar, o líder de louvor deve cultivar um relacionamento duradouro com Deus, em que estará liderando outras pessoas na adoração. Todos sabemos muito bem que Deus sempre (e talvez mais facilmente e melhor) é encontrado nas Escrituras. Isso significa que se alguém começa a estudar a Bíblia com o desejo sincero de conhecer a Deus melhor, essa pessoa certamente o encontrará de uma maneira que vai além do estudo racional. Talvez alguém possa dizer, “Bem, então é só abrir a Bíblia e esperar Deus falar. Porque eu deveria me esforçar em estudar se estou procurando por um encontro pessoal com ele?” A resposta é que assim como Jesus fez com os aprendizes no caminho de Emaús, Deus prefere nos explicar mais profundamente as Escrituras que apenas falar sem usar a Palavra. Ele a escreveu. Ele a preservou. Ele tem um interesse vital em se manifestar a nós através dela. E, além disso, nas escrituras nós temos dois mil anos de ação de Deus — como poderemos ter qualquer experiência com ele hoje que seja mais valiosa que dois mil anos de experiência? As nossas experiências estão baseadas e enraizadas nos atos de Deus descritos na Bíblia.
Mas podemos ir um pouco mais além. O nosso chamado como líderes de louvor e como povo que adora é sermos aprendizes de Jesus — eu prefiro usar “aprendiz” ao invés do sinônimo religioso “discípulo”. Ao olharmos para os discursos de Jesus e para os escritos de antigos aprendizes como Pedro, Tiago ou Paulo, nós vemos pessoas cujas vidas estavam impregnadas das Escrituras. Se a base da vida com Deus é seguir a Jesus e aos seus antigos aprendizes, então está claro que é impossível fazer isso sem buscarmos um conhecimento bíblico similar ao que eles tiveram. E para finalizar, o líder de louvor precisa estudar profundamente a Bíblia, pois o seu líder no passado também o fez, e queremos ser iguais a ele.
Peter Davids é um respeitado estudioso e escritor no Movimento Vineyard. Ele tem treinado teologicamente líderes (e líderes de louvor) entre várias denominações, incluindo as igrejas Vineyard no Canadá e Alemanha, e atualmente este está envolvido com as Igrejas Vineyard dos Estados Unidos. Peter é autor e é co-autor de cinco livros e tem escrito inúmeros artigos. Atualmente ele mora em Stafford no Texas, junto com sua esposa Judith.


Artigo extraído do site www.vineyardmusic.com.br

segunda-feira, 9 de maio de 2016

POR QUE CASAR, SE EU POSSO FICAR E NAMORAR???


Casamento é algo que antigamente todo mundo buscava. Hoje alguns até sonham, mas a vida profissional e a estabilidade financeira estão em primeiro lugar. Lembro-me das histórias dos meus pais e avós, para eles o casamento era uma necessidade para que a vida adulta começasse e o labutar diário fizesse sentido.
Casar e construir juntos, eles pensavam. Hoje as coisas mudaram. Construir sozinho e depois juntar o que temos. Primeiro terminar os estudos, estar com um bom emprego e depois pensar em casar. Não quero ensinar aqui que devemos sair juntando nossas trouxas com qualquer um, sem o mínimo de preparo e planejamento, mas esse é apenas um exemplo para mostrar como o entendimento do casamento mudou.
Que as coisas mudaram não há dúvida, mas por que mudaram? Uma das razões entre muitas está no valor e significado do ato sexual. Antes, o sexo era a aliança final e suprema entre um homem e uma mulher. Naquele tempo a virgindade tinha valor. A cultura da época via no sexo algo de sagrado e reservado para o casamento.
Vale também lembrar que a hipocrisia daquela época era grande, e enquanto as mulheres se guardavam para o casamento muitos homens eram iniciados em sua vida sexual nos bordéis. Muitos rapazes inclusive levados pelos próprios pais. Isso hoje é considerado abuso sexual. Porém a questão é que mesmo com a hipocrisia havia uma aversão ao sexo fora do casamento.
A sociedade era contra o sexo antes do casamento e também contra o adultério. Essa sociedade começa a mudar, entretanto, com os ideais hippies de sexo, drogas e rock’n roll. A liberdade sexual é usada como forma de protesto contra a dureza e o moralismo da sociedade moderna. Depois disso o sexo virou comércio, como tudo, ou quase tudo. A indústria da pornografia é uma das mais lucrativas do mundo.
Traduzindo: uma das melhores sensações da vida, o sexo, há 50 anos atrás era bem visto somente dentro do casamento. Assim, a necessidade biológica do sexo era a mola propulsora para o matrimônio. Hoje você não precisa casar para encontrar alguém que queira fazer sexo com você, gratuitamente, sem compromisso e com muita disposição. Logo, por que se casar? Por sexo? As pessoas têm a sua disposição fora do casamento e não são mal vistas por isso como antigamente. Assim pensam ser melhor ficar.

Não entenda ficar como um simples beijo na boca, prática corriqueira entre adolescentes, mas o sexo sem compromisso entre amigos, companheiros de trabalhos, ou entre duas pessoas que acabaram de se conhecer em uma balada. Por desejo de afetividade? Não é preciso casar e enfrentar os desafios de uma vida a dois. Basta namorar.
Fora a questão civil no nosso país. Que leva você a gastar cerca de R$ 450,00 para se casar e oferece uma enorme facilidade para o divórcio. Adultério já foi crime, não é mais. A “união estável” está em alta e te oferece direitos como se você fosse casado. Toda essa lógica é comum em nosso tempo. Mas é totalmente contra a lógica cristã. Ou você pensa como Cristo e se afirma como um cristão ou você assume sem reflexão os costumes desse tempo decadente. Chegamos ao título desse texto: Por que casar, se eu posso só ficar e namorar?

Desejo propor aqui uma resposta cristã para esse tema. Para isso desejo basear minha argumentação no imperativo de Jesus Cristo que resume todos os mandamentos de Deus: Amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a ti mesmo. Um princípio de alteridade é exposto aqui. Alteridade é a capacidade de reconhecer o outro. Saber que a vida não encontra propósito quando não consideramos seriamente a existência e as necessidades do outro.
O cristianismo oferece sentido para nossa existência quando amamos a Deus, pois fomos criados por Ele e para Ele, e fazemos isso amando nosso próximo. Não vivendo para nós mesmos, mas para o “totalmente outro”, Deus, e para o outro, os indivíduos com os quais você se relaciona. Porém estamos em um tempo em que as pessoas são egocêntricas e egoístas. O outro é percebido apenas quando ao percebê-lo teremos vantagens para nós mesmos.
Quando ficamos, nos relacionamos sem compromisso, estamos usando outra pessoa para satisfazer nossos desejos. Diante da carência e do desejoso de sexo, vamos procurar aquela pessoa que podemos usar, aquela que um dia demonstrou sentir algo por nós, ou alguém que está, assim como nós, buscando alguém para ser usado. Ocorre assim a simbiose da afetividade, um usando o outro para se satisfazerem.
Na própria ideia de namoro está implícito um compromisso em uma fase de conhecimento para que saibamos com certeza se essa pessoa é a pessoa com quem queremos constituir uma família. Namoro não é para usar alguém de forma cativa. Namoro não é disputa de domínio.

O desejo de Deus é que cada pessoa viva totalmente realizada ao encontrar propósito e significado para sua existência Nele. Solteiro ou casado, satisfação existencial em Deus. Depois disso, essa pessoa está apta para se relacionar afetivamente sem se ferir e sem causar ferimentos. Ela não busca satisfação no outro. Mas satisfeita em Deus ela pode oferecer algo a pessoa amada.
Ela pode oferecer o que já tem. Dessa forma o relacionamento afetivo, entre um homem e uma mulher, em uma perspectiva cristã, não é a busca do que temos falta, no outro, mas o transbordar do que já temos sobre o outro. Enquanto os dois esperam algo, ninguém recebe e há frustrações e mágoas. Quando os dois oferecem, há transbordar de alegria. Esse casal agora está pronto para se casar e fazer uma aliança um com outro, não só de palavras, mas de sangue e de prazer, isso é sexo. Sem constrangimento, sem doenças, sem mágoas, sem usar e sem ser usado.
E quando a força do sexo passar, a idade chegar e o sexo for um apêndice, o que restará é o verdadeiro amor, que o simples ficar e o namoro superficial não podem produzir, mas somente aqueles que têm um relacionamento profundo como no casamento, podem encontrar. Porque o amor começa quando a paixão acaba.
Ricardo Coelho Moreira 
FONTE: http://estudos.gospelmais.com.br/por-que-casar-se-eu-posso-so-ficar-e-namorar-2.html

domingo, 8 de maio de 2016

TUDO POSSO NAQUELE QUE ME FORTALECE...SERÁ?


Este é um dos versículos mais citados da Bíblia. Está nos adesivos dos carros, pregado à porta das casas, nos imãs de geladeira, em camisetas, nos brindes de fim de ano. Tornou-se como uma espécie de amuleto, de auto-afirmação, de brado de conquista.

Posso todas as coisas... Posso ter o emprego que desejo, ou a casa que sonho; posso passar no vestibular, ou ser aprovado no concurso; posso conquistar todos os meus sonhos, porque posso todas as coisas naquele que me fortalece.

A popularidade deste versículo, escrito por Paulo quando ele estava na prisão, provavelmente em Roma, denunciam duas características da nossa geração. Infelizmente, duas características tristes:

Primeiro, mostra o nosso pouco conhecimento bíblico, pois o versículo simplesmente não diz aquilo que a imensa maioria pensa e que é o motivo de sua popularidade. Antes de ser um brado de conquista e triunfalismo, Filipenses 4:13 é um brado de resistência e perseverança.
No versículo anterior, o versículo doze, Paulo afirma que sabe estar humilhado e também sabe ser honrado; sabe ter fartura ou ter fome; sabe tanto ter abundância quanto ter escassez. Em tudo isto ele já foi experimentado e guardou sua fé, não por mérito próprio, mas por Aquele que o chamou e fortaleceu.

Posso todas as coisas... Significa que posso passar pelos altos e baixos da vida; posso ter emprego ou estar desempregado; posso estar saudável ou enfermo; posso ter fartura ou estar em dificuldade; guardo a minha fé, não importa as circunstâncias, porque posso passar por todas as situações, boas e más, porque Ele me fortalece!

As tempestades virão, as lutas estarão à minha porta, os meus sonhos sofrerão revezes. Ainda que a terra se mude, ainda que os montes se transportem para o meio dos mares, ainda que as águas rujam e se perturbem, ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, a minha fé permanecerá, porque posso todas as coisas naquele que me fortalece. Este é o espírito por trás do versículo.

A segunda coisa que esta interpretação errônea nos mostra é que fazemos parte de uma geração que tem dificuldades em lidar com as adversidades. Não toleramos as derrotas, nem suportamos estar abatidos. Não entendemos como um crente pode passar fome ou padecer necessidade. Só enxergamos as palavras de vitória, queremos a abundância, a fartura, a prosperidade, o bem-estar.

Somos daltônicos verbais, só conseguimos ler as palavras que reforçam a nossa ótica de evangelho triunfalista em que o mais importante é o bem estar aqui nesta terra. A passagem de Filipenses 4:12-13 diz: “Tanto sei estar humilhado como também ser honrado; de tudo e em todas as circunstâncias, já tenho experiência, tanto de fartura como de fome; assim de abundância como de escassez; tudo posso naquele que me fortalece.”, mas nós o lemos assim: “Sei conquistar a honra; de tudo e em todas as circunstâncias, já tenho a vitória e toda fartura; a abundância é o meu único caminho porque tudo posso naquele que me fortalece.”. Simplesmente nos negamos a enxergar que podemos passar também pela humilhação, a fome e a escassez.

Precisamos entender que a vida cristã é um desafio. Coisas boas e más acontecem para justos e injustos, a graça de Deus se estende a todos. Para Deus o mais importante é o Caminho que trilhamos, sabendo que este Caminho nos leva para além desta vida terrena e das incertezas deste mundo caído. Os acontecimentos bons e maus se sucederão, mas Deus está muito mais interessado em revelar como reagimos diante desses acontecimentos. 

É assim que Ele forjará o meu caráter até que eu aprenda que, independente das circunstâncias, o fundamental é travar o bom combate e guardar a fé, porque tudo posso naquele que me fortalece.

Pr. Denilson Torres
Ministério Fruto do Espírito
www.frutodoespirito.com.br

sábado, 7 de maio de 2016

LADRÃO DE ALEGRIA

A alegria para nós, que conhecemos o Senhor Jesus, não é uma opção. O nosso Deus é fonte de alegria, de regozijo. Em toda a Bíblia encontramos orientação para nos alegrarmos. A alegria do Senhor é a nossa força. Se não nos apropriarmos dessa alegria que está à nossa disposição, vamos nos enfraquecer. Ela é a nossa "vitamina". Não podemos, de jeito nenhum, adotar a mesma postura do filho mais velho. Isso entristece o coração do Pai. Devemos nos alegrar com nossos irmãos. Temos de aproveitar essa alegria que o Senhor nos dá graciosamente. Só assim, transbordantes de alegria, podemos semear o gozo no coração dos que sofrem.

Você não deve ser um ladrão de alegria. Deus quer que você seja é um semeador de alegrias. "Que formosos são sobre os montes os pés do que anuncia as boas-novas, que faz ouvir a paz, que anuncia coisas boas, que faz ouvir a salvação, que diz a Sião: O teu Deus reinai". (Isaías 52:7)

Deus abençoe.
Pr. Jorge Linhares

quinta-feira, 5 de maio de 2016

COMO FUGIR DE NÓS MESMOS


Essa talvez seja uma das perguntas mais difíceis a serem respondidas. Quando um viciado deseja se afastar das drogas, ele tem como manter a distancia dela; Quando um alcoólico se torna abstêmico, ele tem como se afastar da bebida, se manter longe dela, mas o que fazer quando o que nós queremos fugir está dentro de nós? O que fazer quando temos que lutar contra nossa carne, nossos sentimentos, nós mesmos? Ainda bem, que Deus nos mostra em Sua Bíblia pessoas que passaram pelas mesmas dificuldades.

Veja o que Paulo fala em Romanos 7: Porque bem sabemos que a lei é espiritual; eu, todavia, sou carnal, vendido à escravidão do pecado. Porque nem mesmo compreendo o meu próprio modo de agir, pois não faço o que prefiro, e sim o que detesto. Ora, se faço o que não quero, consinto com a lei, que é boa. Neste caso, quem faz isto já não sou eu, mas o pecado que habita em mim. Porque eu sei que em mim, isto é, na minha carne, não habita bem nenhum, pois o querer o bem está em mim; não, porém, o efetuá-lo. PORQUE NÃO FAÇO O QUE QUERO, MAS O MAL QUE NÃO QUERO, ESSE FAÇO. Mas, se eu faço o que não quero, já não sou eu quem o faz, e sim o pecado que habita em mim.” 

Paulo vivia uma constante luta com ele mesmo. Algumas ele ganhava, outras ele perdia, contudo, uma frase deixada por ele, faz muito sentido: Porque, quando sou fraco, então, é que sou forte.” (II Co 12).
Paulo, aprendeu que não era um super-herói. Ele era humano, pecador, normal. A diferença estava em não desistir, em manter o seu propósito: “somos transformados, de glória em glória, na sua própria imagem, como pelo Senhor, o Espírito.” (II Co 3); “Combati o bom combate, completei a carreira, guardei a fé. (II Tm 4.7).
Como Paulo, nós também, mesmo odiando o pecado, e buscando uma vida de santidade junto ao Senhor, também somos falhos. É importante a cada dia, como exercício diário, ocuparmos a nossa mente com o que é bom, agradável, de boa fama, puro (Fl 4.8), evitarmos pensamentos, ações, locais, que nos induzam ao erro. E principalmente ter sempre no coração o desejo de acertar, de buscar ao Senhor, de não desistir.
E Jesus não nos deixou sós nesta caminhada, enviou o Espírito Santo para nos ajudar. Ele quer fazer parte disso. Peça ajuda.
Na paz daquele que sempre nos estende a mão e permanece de braços aberto.

Att,
Pr. Felipe Heiderich
FONTE: http://estudos.gospelmais.com.br/como-fugir-de-nos-mesmos.html

quarta-feira, 4 de maio de 2016

"O VALE DE BACA"

(Consolo para os que sofrem) - “Bem-aventurado o homem cuja força está em Ti… o qual, passando pelo vale árido, faz dele um manancial; de bênçãos o cobre a primeira chuva.” (Sl 84.4-6).

Nos tempos do Velho Testamento, os israelitas piedosos faziam peregrinações regulares a Sião, a mesma Jerusalém, para adorar a Deus no templo e celebrar festas religiosas. Esta era a alegria maior de suas vidas; eles amavam os tabernáculos de Deus, suspiravam pelos átrios do Senhor, exultavam pelo Deus vivo! (Salmo 84.1-4).

Aquelas peregrinações eram muito difíceis em certos trechos, mas eles as enfrentavam com alegria; renovavam suas forças antegozando o momento em que apareceriam diante de Deus em Sião (v.7). O trecho mais difícil da viagem, incontornável para a maioria deles, era o Vale de Baca (Versão Revista e Corrigida), também chamado Vale das Lamentações (Septuaginta), Vale de Lágrimas(Vulgata Latina), Vale das Balsameiras (Bíblia de Jerusalém), e Vale Árido (Versão Revista e Atualizada). “Baca” é uma palavra hebraica que significa “choro”, “lágrima”. As balsameiras são plantas que destilam, gotejam ou “choram” o bálsamo, uma resina de odor tão agradável que a palavra “bálsamo” veio a significar, figurativamente, “alívio”, “conforto”, “lenitivo”. As peregrinações de Israel são um tipo ou símbolo da peregrinação dos cristãos neste mundo.

Jesus disse aos Seus discípulos: “Vós não sois do mundo…” (João 15.19). Paulo escreveu aos Filipenses: “A nossa pátria está nos céus…” (Filipenses 3.20). Pedro dirigiu suas epístolas “aos eleitos… peregrinos e forasteiros…” (I Pedro 1.1; 2.11).

Os israelitas faziam suas peregrinações a Jerusalém a fim de adorar a Deus no templo; nós, os cristãos, estamos a caminho da chamada Jerusalém Celestial onde haveremos de adorar e servir ao Deus Trino, em tabernáculos eternos.

Peregrinando aqui, temos passado, sim, por lugares de indizível beleza; o Bom Pastor nos tem conduzido por “pastos verdejantes”, e nos tem levado “para junto das águas de descanso” conforme lemos no Salmo 23.1,2; anjos têm vindo do céu à terra somente para nos proteger (Salmo 34.7); temos vivido experiências agradabilíssimas. Entretanto, não há por que negar que alguns trechos do caminho têm sido muito difíceis. Não temos podido evitar o“Vale de Baca” ou “Vale de Lágrimas”. Gostaríamos que o Salmo Pastoril (Salmo 23) falasse somente de “pastos verdejantes”, “águas tranqu?ilas” e “mesas postas”, e não mencionasse o “vale da sombra e da morte” (v.4). Mas a referência está ali…

Se você, irmão (ã) está passando pelo “Vale de Baca”, quero lembrar-lhe que o seu equivalente físico na Palestina recebeu este nome não porque era árido, difícil, sofrido, mas por causa das plantas que cresciam ali e “choravam” bálsamo. Este vale recende a bálsamo! Nesta e na próxima mensagem, vamos ver quanto conforto e lenitivo existe neste vale.

1. O Vale de Baca é muito freqüentado - Os israelitas de quase toda a Palestina tinham que passar pelo Vale de Baca, quando a caminho de Jerusalém. A topografia os obrigava a isto. Na experiência cristã não é diferente. Alguns são levados, como que “por via aérea”, do berço para a glória da Jerusalém Celestial, e escapam do Vale de Lágrimas; mas todos os outros têm que passar por ele. Parece que Moisés passou por este vale repetidas vezes. Idoso, sofrido e enfadado, ele orou: “Volta-te, Senhor! Até quando? Tem compaixão dos teus servos… Alegra-nos por tantos dias quantos nos tens afligido, por tantos anos quantos suportamos a adversidade.” (Salmo 90.13,14).
Muitas são as adversidades que nos afligem e nos fazem chorar no transcurso desta nossa peregrinação terrena: desapontamentos, desastres, calamidades, perdas, escassez, enfermidades, morte. De um modo ou de outro, cedo ou tarde, mais ou menos vezes, todos passamos pelo vale.

2. (O Vale de Baca é muito indesejável - a) É árido. Não tem rios de alegria; os poços, cavados por alguns dos peregrinos que nos antecederam ou por nós mesmos são, muitas vezes, “cisternas rotas que não retêm as águas”(Jeremias 2.13). b) É pedregoso. Os peregrinos conseguem remover as pedras menores, não as grandes; a caminhada é muito sofrida; muitos tropeçam e caem.
c) É escuro. As trilhas serpenteiam entre rochas de angústia e montanhas de pecado; o Sol da Justiça esconde-se por trás destas e o vale fica muito sombrio. d) É extenso. Os peregrinos sabem que Sião está à frente, mas não podem vê-la; a caminhada parece não ter fim. Muitos ficam desencorajados.
e) É infestado. Há espíritos maus neste vale. Eles tentam; fazem insinuações malditas e sugestões blasfemas: armam ciladas, lançam os “dardos inflamados do maligno” (Efésios 6.11,16).

3. O Vale de Baca é muito proveitoso - Torna-nos mais fortes, mais humildes, mais dependentes de Deus, enfim, mais crentes. A companhia e as necessidades dos outros peregrinos ensinam-nos a pensar mais neles, e a “levar as cargas uns dos outros” (Gálatas 6.2). O autor do Salmo 119 aprendeu muito no Vale de Baca, razão porque orou: “Antes de ser afligido andava errado, mas agora guardo a Tua Palavra… Foi-me bom ter eu passado pela aflição, para que aprendesse os Teus decretos.” (vs. 67,71).

Paulo passou por este vale diversas vezes, e testemunhou: “… aprendi a viver contente em toda e qualquer situação. Tanto sei estar humilhado, como também ser honrado; de tudo e em todas as circunstâncias já tenho experiência, tanto de fartura como de fome, assim de abundância, como de escassez; tudo posso naquele que me fortalece.” (Filipenses 4.11-13).

Missionária Eliane Lima.
Deus é na sua vida.
Obrigado.

Passamos por esse vale nessa madrugada de segunda-feira 02/05/16. Ainda não foi dessa vez que a Isabel nasceu. A Vânia teve perda de liquido devido um esforço indevido. Fizemos todos os exames, a Bebel está bem 3.200 Kg, coraçãozinho está ótimo, e o líquido tbm. 3,0 dedos de dilatação. Internação a partir de 5 dedos. Um absurdo. Saímos do Hospital mais de 02h00min da manhã. É pra voltar quando a dor aumentar. Ou até sexta-feira dia 06/05/16 a casaria será inevitável. Agradecemos muito pelas orações. Continuem orando que a vitória vem e a Isabel tbm. O Vale de Baça vem pra todos nós. Mas como Vale não é lugar de habitação e só de passagem. Em breve superaremos mais esse em nossas vidas.

Grande abraço a todos.
Graça e paz do nosso Senhor Jesus.
A inveja é um câncer e a hipocrisia uma farsa.
Jesus é a cura.
Ótimo dia.
PB. Marcelo Raineri.

segunda-feira, 2 de maio de 2016

A VIDA COMO ELA É, E COMO PODE SER!?!

Não é uma constatação de que, como está não serve. Não quero dizer que você precisa mudar de vida para ser feliz. A felicidade não está no que virá a ser, mas no presente e na realidade atual de sua vida. Como crianças, vamos revirar nosso baú, e encontrar ali mesmo novas possibilidades, com os mesmos brinquedos de sempre.

Tenho consciência de que posso colocar algumas “minhocas” na cabeça de alguns, mas vamos até o final, e depois prometo tirar dúvidas e esclarecer o que ficar obscuro.

O contexto histórico e nascimento de Jacó:

Abraão, Isaque e Jacó; Isaque e Rebeca
Depois de 20 anos de casamento nascem os gêmeos:  Jacó e Esaú (Gn 25:20,26)
ESAÚ = cabeludo = Edom (vermelho, de guisado avermelhado – Gn 25:30)
JACÓ = O que segura pelo calcanhar = suplantador – Gn 27:36)

Fatos importantes da vida de Jacó até aqui (Gn 28):

Nascimento, O direito de primogenitura (Esaú), A bênção de Isaque (seu pai), A fuga. 

O TEXTO: Dormindo com a pedra e a visão da escada; Simboliza que a vida é feita de Pedra e escada (do material e do espiritual)

Jacó vê a pedra e aproveita; Jacó não repreende a pedra; Jacó aproveita a pedra para dormir!!!! Depois Jacó levanta um altar com a pedra e a faz “Casa de Deus”. A vida é assim: pedra e escada. A pedra é símbolo da dureza da vida, que deve ser vivida, sugada, aproveitada, desfrutada. Jacó se deita ali mesmo, para dormir e... sonha!!!! (28:11,12) A escada é símbolo do transcendente. A escada é símbolo da comunhão com Deus. Do seu interesse em se manifestar a nós e se comunicar conosco mesmo em tempos hostis.

A compreensão de que precisamos de “pedra e escada”, do “material e do espiritual” nos ajuda a experimentar o que a vida pode ser:

 Sua vida pode ser bem melhor - se decidir desfrutar plenamente do “material” e do “espiritual”, como expressões das bênçãos de Deus. C.S.LEWIS, em “Cartas de um diabo a seu aprendiz” (1942) P.65, 76 “Você deve tentar fazer com que seu paciente abandone as pessoas, a comida ou os livros de que realmente gosta em nome de pessoas “melhores”, da comida “certa”, dos livros “importantes”.

Por isso não conseguimos desfrutar a vida como Deus gostaria. Abandonamos muitas coisas boas da vida, porque julgamos que devemos priorizar o que é “supostamente” melhor; Um pai que não conversa mais com seus filhos porque precisa conversar sobre teologia com os teólogos; Uma esposa que não valoriza seu marido porque ele não é cristão; Amigos que não se encontram para fazer nada porque crente que é crente tem que “orar sem cessar”; Crianças que não tem liberdade na igreja porque seus pais acham que algo “mais importante” está acontecendo, e elas não podem atrapalhar; Pessoas que não lêem bons livros, porque precisam ler livros mais importantes; Pessoas que ainda não conseguiram compreender que a vida é uma só, e tem pedra e escada (material e espiritual);

“Nós (Vermebile e Fitafuso), no entanto, queremos um homem atormentado pelo futuro”.

Por isso não conseguimos desfrutar adequadamente do que temos hoje; O futuro nos atormenta com sua mensagem aprisionadora, de que há algo melhor nos esperando.

(Ele conclui:)
“Queremos uma raça inteira de seres perpetuamente em busca do fim do arco-íris, jamais honestos, jamais gentis, jamais felizes agora, e sempre usando toda dádiva verdadeira que lhes é concedida no presente como mero combustível para poderem encher de dádivas o altar do futuro”.

Muitos não estão felizes agora, porque acham que as melhores dádivas estão no futuro.

Vivemos então um estado crônico de ansiedade, do qual não conseguimos nos livrar, por causa da nossa incapacidade de dizer “chega”, “está bom”, “estou satisfeito”, “vou dormir com essa pedra!”.

Na verdade, queremos tirar as pedras do nosso caminho, e partirmos com todas as forças para o que achamos superior.

A vida é pedra e escada - Tempo de faculdade e tempo de formatura (ambos com felicidade); Tempo do seminário e tempo de formado; O Trabalho como lugar de ser crente (adoração) e expressão da bênção de Deus; Sua família como ambiente sagrado; Seus bens materiais como favor suficiente de Deus, e não como trampolim para alcançar mais; Seu corpo como instrumento de adoração, e não como um perigo a ser evitado ou vencido.

2º Sua vida pode ser bem melhor - se perceber que a terra, que o mortal, o material (como preferir), também é o lugar da habitação de Deus. (Gn 28:12-17). Na terra, Jacó sonha um sonho de Deus (V.12) A escada “toca” a terra; Deus e seus anjos estão subindo e descendo por ela; Jacó percebe que Deus estava naquele lugar, e que era a Casa de Deus (V.16-17); É a “porta dos céus”!!!!! (V.17) Nós achamos que a porta dos céus é a igreja; Jacó acha que é a terra (ou qualquer lugar);   Nós achamos que a porta dos céus é o culto bem “arrumadinho”; Jacó acha que é uma noite bem dormida (com sonho de Deus).

Nossa dificuldade vem do fato de termos incluído coisas da vida na lista dos atos profanos. Nós cristãos (católicos ou protestantes) temos dificuldades e, geralmente, fazemos mal a separação entre o sagrado e o profano.

DEUS ESTÁ ONDE VOCÊ ESTÁ! ONDE DEUS ESTÁ É A CASA DELE! (Gn 28:16-17) - O Senhor “está” (verbo) = Ser, existir, substância; “Eu é que não sabia”, “É” a Casa de Deus. Cidade chamada Luz (amendoeira) passa a se chamar Betel; Beyth-’El - Betel = “Casa de Deus”; ONDE VOCÊ ESTÁ E DEUS TAMBÉM ESTÁ PODE TER CULTO!

3º Sua vida pode ser bem melhor  - se deixar que Deus faça os planos, e... Concordar com eles!!! (28:20-22). Jacó diz “se”. Mas o “se” de Jacó já tinha sido prometido por Deus. Jacó não faz um voto baseado em seus anseios, mas baseado nas promessas de Deus (28:13-15)

A escada em Betel é diferente da escada de Babel:
A escada de Babel tinha homens subindo e descendo – Betel, tinha anjos, e Deus estava lá.
A escada de Babel seria construída por homens – Betel, por Deus.

É por querer construir uma torre própria até o céu, e sair da terra, que as pessoas estão perdendo suas vidas. Interessante isso: Queremos construir algo. É o que estamos construindo que está tirando nossa paz. Jacó se contenta com o que Deus “construiu”: pedra e escada.

Conclusão:

Onde estão as pedras de sua vida hoje? Onde estão as escadas celestiais de sua vida hoje? Precisamos das duas! Como Jacó teve uma experiência extraordinária com Deus em um lugar tão “normal”. Como em um lugar tão normal, Jacó teve uma experiência tão sobrenatural.

QUEM SOU EU

QUEM SOU EU
Marcelo Raineri, 48 anos, por misericórdia do Altíssimo, Evangelista na Casa do Senhor; Servo comprometido com a Palavra de Deus, em equilibrio com o consolador deixado por Cristo. Não tenho rabo preso com ninguém, além de Cristo. Tenho buscado dia após dia colocar em prática seus ensinamentos e suas diretrizes. Cristão sim, perfeito não, desde 15/10/1999. Legalista jamais! Ministro da sua Palavra e Levita na Casa do Senhor; Levado por Deus aonde quer que Ele coloque a planta dos meus pés para ministração da sua Poderosa Palavra. Bajular, puxar o saco, tolerar o pecado, buscar o reconhecimento humano, não faz parte do nosso caráter e nem ministério. Casado letigiosamente e religiosamente a 9 anos com a Diaconisa Vânia Raineri, pai de filhos incriveis. Eu e minha familia servimos ao Senhor Jesus; Amando esse novo momento com a nossa caçulinha Isabel Raineri. Tenho a convicção de que nada e nem niguém pode esconder você de Deus; nada e nem ninguém pode calar a sua adoradoração; nada e nem ninguém pode apagar a lâmpada de Israel que habita em meu ser; nada e nem ninguém pode derrubar aquele que Deus escolheu pra vencer. Obrigado Jesus, que eu diminua dia após dia, pra que o Senhor cresça em mim. Um forte trabalho evangelistico "CAPELÂNIA NO LAR" Projeto Familia é tudo - Bíblia é vida".

RELAXA - MULATARIA LESTE

ALTERNATIVA - MULATARIA LESTE

N.S.R - VOZES PELA IGUALDADE

N.S.R - VIRADA EDUCACIONAL

N.S.R - PORQUE EU TE AMEI

N.S.R. - DE FORMA LOUCA

JESUS O PLANO PERFEITO

MEU MILAGRE by Ingrid Gabriele Raineri

MINHA RAINHA

MINHA RAINHA
Sem palavras! Da morte para vida, e vida com abundância. Namorada, noiva, esposa, amante, mulher. Minha herança, bênção de Deus na minha vida. Caminhando para o oitavo ano de amor, respeito, paixão, compreensão, brigas, perdão. Hoje com mais uma das surpresas de Deus. Após 7 anos casados legalmente como o povo gosta de saber, cartório, igreja, estamos a beira de mais uma dadiva de Deus em nossas vidas. Isabel Raineri. A caçulinha da Familia Raineri. Obrigado meu Deus, valeu Jesus, quebrou tudo Espírito Santo. Vai ser mais que demais. Te amo Neguinha hoje e sempre. Rumo a eternidade. Choramos, sofremos, cultuamos, louvamos, clamamos, adoramos, VALEU A PENA!!! Oh glórias!!!

FAMILIA LIMA

FAMILIA LIMA
Obrigado Deus!!! Amigos eternos, Família abençoada que amam a Deus. Uma benção de Deus em nossas vidas. Uma amizade que veio dos céus, passou por Maceió, e agora cresce em Sampa. Em tão pouco tempo conseguiram conquistar e firmar em nossos corações uma profundidade que não tem preço e não há quem bloqueie ou corte em nome de Jesus. Um presente de Deus em nossas vidas. Deus abençoe hoje e sempre. Família é tudo. E vocês são carne da nossa carne. Amamos vocês hoje e eternamente. A cada ano que passa a união se fortalece. mais que demais. Amamos vocês. Falo ureias... Kkkkkkkk.

FAMILIA PEREIRA

FAMILIA PEREIRA
"O amor de Deus, quando vivenciado pelos seus filhos, supera todo e qualquer desafio. Meus amados vocês são escolhidos de Deus. Que Deus continue abençoando a nossa amizade, o casamento de vocês e essa amada familia. Amamos está vocês hoje e sempre. Que a Paz do Senhor Jesus seja constante na vida de vocês. Bíblia na Cabeça, Rumo a eternidade.

FAMILI ASSIS

FAMILI ASSIS
Familia linda!!! Sem palavras. Uma familia compromissada com Deus. Pastor Calveth, continue firme nessa Caminhada e nesse exemplo de vida. O que falar de Maisa, Agatha, Daniel e Gabriel... Vocês são demais. Um grande abraço. Um privilégio te-los conhecido e fazer parte deste convivio. Oh glórias!!!

FAMILIA RAMAZZOTTI

FAMILIA RAMAZZOTTI
Meus amados irmãos e amigos em Cristo. Obrigado pelo temor que vocês tem por Deus. Que felicidade ve-los felizes por viverem em comunhão com o Espirito de Deus. Vivenciar as grandes coisas que Deus tem feito na vida de vocês, encheu-me alegria. Vocês sempre foram e serão eternamente amigos de Deus e da Familia Raineri também. Vocês fizeram parte desta nova fase de minha vida, novamente se mostraram verdadeiros amigos. A graça de Deus resplandece em vossas faces. A àlegria do Espirito, transfigura-se em vocês. A Paz de Cristo que excede todo entendimento repousa sobre vocês e isso é de Deus. Graça e paz seja com vocês hoje e sempre. Obrigado pelo livro, foi um presente de Deus e sei que vai me ensinar muito. Um grande abraço.

FAMILIA MENEGHINI

FAMILIA MENEGHINI
Sem palavras! A amizade e a intimidade que vocês tem com Deus é sobrenatural. Vendo numa dessas madrugadas a Regina aconselhando a Vânia, as duas falando do amor de Deus sobre a vida de nossos filhos, demais, demais. Rodrigo sem palavras, sua servidão, hospitalidade, zelo pela familia, amizade e o cuidado que você tem com os filhos, coisa linda de se ver hoje em dia. Parabéns! obrigado pelo amor e carinho que vocês tem por nós. Um grande beijo no coração de vocês.

FAMILIA GROSS

FAMILIA GROSS
Nos conhecemos a tão pouco tempo, mas a alegria de te-los em nossa linha do tempo já grande. A humildade, a sinceridade, o zelo, a Kisha... Valeu galera vocês são demais!

FAMILIA LEONEL

FAMILIA LEONEL
Familia abençoada. Passamos por momentos dificeis, pessoas caluniaram, apontaram, mas a amizede ainda é verdadeira. Deus abençoe hoje e sempre. A ultima palavra quem dá ainda é Deus. Beijo no coração de vocês. Obrigado pela amizade.

FAMILIA IGNÁCIO

FAMILIA IGNÁCIO
Pr. Alexandre e Pra. Renata, bênção de Deus. Sem palavras. Homem e mulher de Deus que se derramam para pastorearem o rebanho ao qual Deus colocou sob vossas responsabilidades. Poá jamais será a mesma. Deus abençoe hoje e sempre.

FAMILIA PAULINHO E NEUSA

FAMILIA PAULINHO E NEUSA
Meus amados irmãos em Cristo. Que Deus continue abençoando o casamento de vocês. Que o louvor seja sempre exaltado pelos vossos lábios. E que o Ministério de louvor infantil continue prosperando com a dedicação de vocês. Um grande abraço.

FAMILIA SUELI PAULA

FAMILIA SUELI PAULA
Minha amada irmã em Cristo. Deus lhe abençoou com sua voz. O louvor exaltado por seus lábios gera salvação. Deus inclina seus olhos para terra, quando você está ministrando o louvor. Grato sou a Ele pela sua vida. E continue perseverando, e seu sonho se realizará, para honra e glória do nosso Deus. Um grande abraço.

FAMILIA ICC SÓ JESUS SALVA

FAMILIA ICC SÓ JESUS SALVA
Sem palavras Pr. Charles Daniel e Missionária Renata Santos. Vocês são sal da terra e luz do mundo. Que Deus continue abençoando vossas vidas, casamento e ministério. Tamojunto rumo a eternidade. Abraços.

FAMILIA ASSEMBLEIA DE DEUS PRA. WALDECY

FAMILIA ASSEMBLEIA DE DEUS PRA. WALDECY

FAMILIA JILENO E MARILDA

FAMILIA JILENO E MARILDA
Eita Deus tremendo. Familia abençoada abençoada e amada por Deus. Uma decisão um casamento, duas decisões, dois casamentos. Deus abriu os céus e vocês tomaram posse da vitória. É uma honra e um privilégio ser padrinhos de Pai e Mãe, e filho e filha. Coisa linda. Somos uma grande familia. Deus abençoe hoje e sempre. Amamos vocês.

FAMILIA SOUZA

FAMILIA SOUZA
Homem de Deus. Um discipulador fora do comum, Homem que me ensinou o que humildade no ouvir e sabedoria no falar. Sem palavras. Familia linda e sábia. Verde sempre verde. Deus abençoe hoje e sempre.

FABINHO E CAROL

FABINHO E CAROL
Que Deus continue abençoando e fazendo prosperar esse relacionamento até a grande data. Amamos vocês, continuem firmes ainda mais agora unidos espiritualmente. Beijo no coração. Família Raineri.

FAMILIA ALDO E VERA

FAMILIA ALDO E VERA
Meu amado a queda faz parte da vida de todos nós. Mas o levantar vem de Deus. Que alegria ver essa familia feliz outra vez. Não perca a fé, é isso ai, continue perseverando. Porque o milagre de Deus na sua vida já é notorio no olhar feliz de vocês. Que Deus na sua magnitude, continue abençoando a vida de vocês.

FAMILIA MARCELINO E MARISA

FAMILIA MARCELINO E MARISA
Trinta anos de superação e desafios da vida a dois. Onde Deus tem suprido e transformado cada adversidade. Glórias a Deus pela vida de vocês e que Ele continue abençoando o relacionamento de vocês.

FAMILIA EDSON LUIS E ROSANA

FAMILIA EDSON LUIS E ROSANA
Meu amado amigo e irmão em Cristo. Que alegria poder participar do crescimento de vocês. Que Deus continue derramando sobre vocês uma chuva eterna de bençãos. Amamos muito vocês. Que a conquista da casa no Litoral, seja para honra e glória de Deus. Que esse instrumento sirva para salvar muitas almas para Jesus. Um grande abraço.

FAMILIA EDJÂNIO E GRAÇA

FAMILIA EDJÂNIO E GRAÇA
Meus amados amigos, em setembro de 2008, vocês também foram agentes transformadores nas mãos de Deus em minha vida. Deus os usou para levar-me até a casa de vocês, na época na Cohab Juscelino, e quando mostraram-me o DVD do Irmão Lázaro em meio a um excelente almoço, as lagrimas caíram e Deus mais uma vez constrangeu meu coração com o seu imenso amor e sua imensa misericórdia. Amor esse, que também foi representado pela verdadeira amizade de vocês. Que Deus continue abençoando a vida de vocês.

FAMILIA WANDO E ODETE

FAMILIA WANDO E ODETE
Meu amado, que Deus continue abençoando a sua família. É uma alegria para nós vê-los com o coração de querer buscar agradar a Deus. Não deixe nada e nem ninguém roubar a fé de vocês, continuem perseverando, Deus ama muito vocês. No tempo favorável Deus irá atender todos os vossos anseios.

FAMILIA PEDRO E GISELE

FAMILIA PEDRO E GISELE
Meus amados, é uma alegria estarmos nos conhecendo melhor. Que Deus continue abençoando grandemente a familia de vocês. Um grande abraço.

FAMILIA JULIO E PITA

FAMILIA JULIO E PITA
Pita, minha amada irmã em Cristo. A CUT foi muito importante para minha vida profissional. E você de um simples digitador, fez-me coordenador de cinco equipes de digitação. Obrigado pela confiança, pela mansidão em ensinar, pela virtude da vida. Jamais esquecerei daquele final de ano que fomos para o sitio. Toda familia da Igreja + a Familia Campanha, foi demais. Todos os irmãos que me encontram, dizem que foi o melhor final de ano que passaram em suas vidas, eu posso dizer o mesmo. Que nosso amado Deus, continue abençoando a vossa vida, seu casamento e sua familia.

FAMILIA FAUSTO

FAMILIA FAUSTO
Meu amado irmão em Cristo. Você foi um dos pilares em minha amizade com Deus no inicio de minha caminhada cristã. Você ensinou-me a ter dominio próprio. Ensinou-me a esperar em Deus. Abriu o meu entendimento para uma comunhão afetiva com Deus. Deus continue abençoando você e a sua familia. Quando vinte dois irmãos denegriam a minha imagem e tentavam enterrar a minha fé, você foi o unico que me apoiou e enxergou a verdade na minha vida. E Deus foi exaltado naquela época com todos irmão vindo cabisbaixo pedir o perdão. Você teve visão pela minha vida e em nenhum momento deixou se levar pelo meu passado, morto e enterrado. Obrigado varão, você é um verdadeiro homem de Deus. E a sua atitude jamais será esquecida. Um grande abraço.

FAMILIA RAFA E JOSI

FAMILIA RAFA E JOSI
Meu amado irmão, vocês são bençãos de Deus em nossa Familia. É uma alegria tê-los como amigos. É nitido ver a transformação de vocês diariamente. E sabemos que Deus está contemplando o chamado Dele em suas vidas. Foi tremendo ver o poder de Deus no Casamento de vocês que se realizou neste ultimo dia 07/07/11. Que Deus continue abençoando a vida de vocês. Contem sempre conosco, um grande abraço. Mais um casamento realizado para glória de nosso Deus.

FAMILIA LUCIANO E SÔNIA

FAMILIA LUCIANO E SÔNIA
Meus amados, irmãos. Vocês são amados do Senhor. Que alegria termos a oportunidade de conhece-los. Que nossa amizade possa prosperar até o arrebatamento da Igreja. Deus abençoe a vida de vocês. Um forte abraço.

FAMILIA LUCIANO E GREACE

FAMILIA LUCIANO E GREACE
Meus queridos, que bom testificar o amor de Deus sobre a vida de vocês. A responsabilidade, a dedicação, a fidelidade, e a lealdade ao Senhor, são marcas que vocês exalam por onde passam. Obrigado pelo amor de vocês por Deus. Continuem nessa Caminhada com Jesus. Um grande abraço.